Good Contents Are Everywhere, But Here, We Deliver The Best of The Best.Please Hold on!
Your address will show here +12 34 56 78
Blog

A criação de personas é um recurso essencial para posicionamento de uma marca, não só no meio digital, mas a nível empresa mesmo.


Clique aqui para matéria em vídeo. Clique aqui para matéria em audio.


Criar uma persona é basicamente definir detalhadamente o perfil do seu cliente ideal. Deixando o processo o mais pessoal possível, trazendo a vida uma série de características pessoais, comportamentais e demográficas. Por se tratar de uma ferramenta fácil de usar e extremamente divertida, o seu uso tem sido ampliado de forma a não considerar aspectos importantes de um negócio. No contexto do Marketing Digital, definir uma persona, significa que você vai definir um perfil ideal para um negócio. O problema é que muitos negócios já possuem clientes ativos. Clientes que já pagaram ou pagam por um produto ou serviço. Quando você oferece a possibilidade de criar uma persona para um negócio, o primeiro lugar que você deve procurar, é justamente no perfil de quem já cumpriu os pré-requisitos, já comprou, já se relacionou com a marca em algum nível.

E aí, criei uma persona e não bate com o público do negócio

Cansei de ver personas que nada tem a ver com o público real de uma empresa. E não se engane, isso não acontece exclusivamente com empresas de pequeno e médio porte. Talvez, grandes empresas até sejam as maiores vítimas dos erros nesse processo.

Quando isso acontece, significa que existe um desalinhamento fundamental entre o que a empresa deseja e o que o cliente espera. Se você quer atingir mulheres de 25 anos, mas quem está comprando são homens de 45 anos. Bom, nem preciso te dizer o quanto isso está errado não é?

Como resolver o problema?

Simplifique. Porque você a empresa espera atingir um público diferente do que está sendo atingido? É algum recurso específico, o produto foi realmente pensado para esse público? Existe a necessidade de alinhar e verificar se a comunicação da empresa não está send prejudicada por conta disso. É bem comum as marcas errarem completamente o seu público alvo, e o resultado disso, é um desperdício considerável nas oportunidades de conversão.

Isso não é uma bobeira, não se engane. Definir uma persona impacta a empresa é diversas campas. Se não está alinhado com o público final, você está deixando dinheiro na mesa.

Trabalhar co personas é divertido, mas nunca considere esse processo como algo isolado.  Mesmo que estiver começando uma empresa do zero, volte sempre para fazer uma realinhamento da persona esperada com a alcançada.

Um abraço

0

Blog

Um dos problemas recorrentes que eu encontro, é o valor que as empresas querem pagar pelo trabalho no meio digital.


Clique aqui para matéria em vídeo. Clique aqui para matéria em audio.


Especialmente empresas de pequeno porte, muitas vezes não enxergam no Marketing Digital, uma oportunidade de aumentar o faturamento. Acabam vendo como algo que precisa ser feito, um item do checklist. Eu já falei anteriormente que muito dessa culpa é dos próprios profissionais de Marketing, mas nem sempre é assim.

Alguns clientes querem investir com verbas muito baixas. Nesse processo, encontram dificuldade até em achar profissionais qualificados.

Do ponto de vista do profissional, especialmente os freelancers, acabam pegando um trabalho com uma verba bem restrita para fins de portfólio, ou até mesmo, ganhar mais experiência.

O resultado não é bonito pra ninguém. Vejo profissionais recebendo pouco e reclamando disso porque se esforçam demais. E vejo pequenos negócios, reclamando que os profissionais não justificam o investimento que está sendo feito.

Este é um cenário recorrente e que tem prejudicado o mercado digital.

Mas existe uma solução bem simples pra isso

Entregue o que o seu cliente está pagando. Aprenda a dividir o seu trabalho em horas e estimar quantas horas você pode dedicar para cada cliente. Dessa forma, todos os clientes estarão te pagando algo parecido.

Até hoje é a melhor forma que eu descobri para trabalhar com orçamento limitado. Se você acha uma verba de R$400,00 pouco, dentro das suas possibilidades, dedique 20min para esse cliente por semana. De repente o valor não é tão insignificante quando parecia ser.

Eu sei que isso não resolve todos os problemas, mas já é um ótimo começo e a garantia de que você trabalhará muito mais feliz, mesmo quando não recebe o que gostaria do seu cliente.

0

Blog
Produzir conteúdo é uma atividade inerente ao processo de comunicação. Em qualquer tipo de de mídia, o conteúdo é a pedra fundamental.
Clique aqui para matéria em vídeo. Clique aqui para matéria em audio.
Mesmo assim, ainda percebo que muitos profissionais tem dificuldade em produzir seu próprio conteúdo. A dificuldade na maioria das vezes vem pelo perfeccionismo, algo persistente no meio digital. Muitas vezes, a produção de conteúdo não vai adiante porque é muito trabalhoso produzi-lo. Mas no decorrer dos anos, eu descobri algo que facilita bastante o processo inicial de produção de conteúdo. Hoje temos 4 tipos fundamentais: texto, áudio, vídeo e imagem. O problema ocorre quando você busca produzir um conteúdo simplesmente pela necessidade, mas desconsidera completamente a sua habilidade natural. Algumas pessoas tem pavor de vídeo, outras escrever textos enormes com a maior facilidade do mundo. Para alguns profissionais, podcast é algo natural e eles se sentem como se estivesse em uma conversa informal. Outros odeiam o som da sua própria voz. É complicado. Na correria e na rotina do dia a dia, você acaba nem pensando no que é mais confortável para você. Só pensa em terminar o trabalho da forma mais eficiente possível. Isso é um erro.

Entenda o que funciona melhor para você

Você precisa entender o que é mais fácil pra você, o que vem com naturalidade. Cada um tem uma ponto forte no processo de comunicação e você precisa explorar o seu. Minha dica é que você sempre comece pelo que é mais fácil, natural pra você. Se você precisa produzir um vídeo, mas odeia gravar. Comece gravando um audio como uma prévia ou escreva um roteiro para que você possa ter como guia depois. Evite produzir um conteúdo e iniciar pelo que gera mais atrito. Dessa forma, fica muito mais fácil manter um ritmo de produção de conteúdo. E você vai reparar, que até a suas atividades de produção para clientes vão melhorar drasticamente. Um abraço,  
0

PREVIOUS POSTSPage 2 of 15NEXT POSTS
VOCÊ É PROFISSIONAL DE MARKETING DIGITAL?
Receba minhas melhores dicas, análises e informações sobre cursos.
 
ASSINAR
Frequência: no máximo 2 emails por semana
Assine minha lista exclusiva para profissionais de Marketing Digital
ASSINAR
X