Blog

Atribuição no Digital: você está levando menos crédito do que deveria

Hoje eu resolvi escrever sobre Atribuição no meio digital. Me parece uma assunto de extremamente importância, mas que normalmente você não vê ninguém comentando. Matéria disponível em vídeo: Matéria disponível em audio:  

Ninguém quer falar sobre Atribuição

Não é sexy o suficiente talvez.
 Talvez ou com certeza? rs A verdade é que a modelagem de atribuição é uma das armas mais potentes que você pode ter em suas mãos. Quando tratamos de Marketing Digital, existem tantos canais de comunicação que é bem fácil perder-se no meio deles. Quando temos uma conversão, atribuir um peso correto para o canal que foi responsável pelo resultado pode ser bem desafiador.

 Justamente por isso, a maioria dos profissionais opta por trabalhar com atribuições de Last Click e First Click. Ou seja, o último canal que o cliente clicou antes de converter ou o primeiro que levou com que ele convertesse posteriormente. Mas e quando a pessoa comprou via Adwords, mas antes disso, conversou com alguém na página do Facebook, viu um post no Instagram, analisou um vídeo de reviews da marca no Youtube e por aí vai.

Quanto maior o ticket médio, mais importante é a atribuição

A realidade é que, quanto maior o ticket, mais importância os canais “secundários” tem no processo de conversão. 

Quanto maior o ticket, mais empenho o cliente precisa para resolver e decidir a respeito da compra. Pense numa viagem, onde você precisa se programar com bastante antecedência. Existe todo um alinhamento de calendário seu e de quem for viajar com você. É necessário um planejamento financeiro, ter atração pelo local, verificar sazonalidade, etc… São tantos fatores que a decisão em si raramente será tomada simplesmente porque um anúncio bonito apareceu na sua frente.

Onde começar?

Tanto no Google Analytics, como no Facebook Ads, no Adwords e qualquer outra rede mais série, terá algum tipo de modelagem de atribuição.

No Facebook Ads ainda é possível escolher a janela de atribuição com base em visualização e clique. Isso significa que, se um cliente viu seu anúncio hoje, mas resolveu comprar somente daqui 20 dias, esse primeiro anúncio terá o resultado atual atribuído a ele. Modelos de atribuição podem permitir com quem um trabalho que, antes passaria despercebido, seja extremamente valorizado. Se você é profissional de conteúdo, recomendo inclusive que solicite esse tipo de avaliação de quem for responsável por gerar relatórios e analisar métricas Assim será possível quantificar de uma forma clara o impacto de um conteúdo em uma conversão para o usuário final. A partir hoje, passe a considerar o impacto de outros canais e não analise simplesmente o primeiro e o último clique.

Dica prática

Pegue uma campanha que você já rodou e ainda tem os dados. Vá até ela e altere as janelas de atribuição para 1, 7 e 28 dias. Não existe nenhuma dúvida que você vai se surpreender com o resultado. Se você não sabe por onde começar, siga os links abaixo: Modelos de Atribuição no Google Analytics  Modelos de Atribuição no Facebook Ads  Modelos de Atribuição para Adwords Um abraço, Estêvão